• Ricardo Figaro

Girl Power: 6 protagonistas que inspiram o empoderamento feminino nas HQs


O poder feminino permeia o universo de cultura pop há algum tempo. Nos últimos lançamentos de filmes e séries de super-heróis, pelo destaque de suas histórias desde as HQs, as mulheres estão deixando de serem coadjuvantes de personagens masculinos para tornarem-se donas de suas próprias sagas, ganhando, inclusive, produções próprias. Por isso, o portal de cultura pop Omelete listou protagonistas inspiradoras ao empoderamento feminino.

Confira:

Jessica Jones

Reconhecida recentemente pela série homônima de sucesso no Netflix, Jessica Jones nasceu nos quadrinhos em 2011. A história da super-heroína aposentada que trabalha como detetive particular traz, além da luta contra o crime na cidade, o incentivo a não tolerar o relacionamento abusivo deKillgrave.

Mulher Maravilha

“Não cabe a você decidir o que eu faço”, diz a Mulher Maravilha no trailer do filme que estreia em 2017. A super-heroína mais famosa do mundo apareceu pela primeira vez em 1941, criada pela famosa editora americana DC Comics, e até hoje é considerada uma das principais referências femininas no entretenimento.

As Empoderadas

Criada exclusivamente por mulheres, a HQ faz parte do selo Pagu Comics e conta a história de três paulistas que se tornam super-heroínas após acontecimentos estranhos na cidade. A obra brasileira foi feita exclusivamente para a plataforma de streaming digital Social Comics, em parceria com aEditora Cândido, com o objetivo de fomentar a produção de quadrinhos brasileiros feitos por mulheres.

Elektra

Criada pela Marvel, Elektra teve sua primeira aparição em 1981. Assassina altamente treinada, executa artes marciais e trabalha sozinha, enfrentando muitos homens em suas batalhas. A personagem já ganhou filme próprio e aparece com destaque na série Demolidor, da Netflix.

Mulher-Gato

A poderosa personagem surgiu na edição número 1 de Batman, em 1940. Mulher-Gato é uma anti-heroína que fez muito sucesso na série de TV dos anos 1960 e já chegou a estrelar uma revista própria e um filme contando suas histórias.

Mônica

“Dentuça, eu?” Os quadrinhos brasileiros têm mais uma representante de peso! Mônica foi criada em 1959 inspirada em uma das filhas de Mauricio de Sousa. A personagem de personalidade forte empodera outras garotas há gerações, por meio dos gibis tradicionais, da versão Jovem e das Graphic Novels. Em 2015, a MSP Produções anunciou na Comic Con Experience que a Turma da Mônica vai ter seu primeiro filme live motion em breve.

#HQ #Quadrinhos #Girl

© 2020 Shock Rádio Web